Spec Ops: The Line

Essa onda de jogos de tiro militares já me deu nos nervos. Não me entendam mal, eu adoro o Call of Duty 4: Modern Warfare, mas desde que ele foi feito, milhares de outros jogos idênticos a ele saem todos os anos, sem nenhuma inspiração ou inovação. Um Call of Duty todo ano, um Medal of Honor todo ano, um Battlefield todo ano. E considere por um momento como todos eles são sempre muito iguais. Todos eles precisam ter um momento “chocante” para criar controvérsia e fazer a galera reclamar sobre a violência dos games na TV e, consequentemente, vender mais cópias para os moleques de 12 anos. E esse momento chocante acabou se tornando sempre o mesmo: um ataque terrorista numa cidade grande, que geralmente acaba na morte de um dos personagens jogáveis. Quando você está esperando o momento chocante, ele deixa de ser chocante. Seria maior choque hoje em dia se um shooter militar não tivesse um desses momentos.

Continuar lendo

Anúncios

Silent Hill 2

Claro que a abertura do nosso novo blog não poderia começar com outro post. Eu preciso obviamente explicar o porquê do nome. O nome vem de Silent Hill 2. Lakeside é o nome do prédio residencial pelo qual James precisa passar para chegar ao Rosewater Park. E eu escolhi esse nome porquê, além de soar bem, ele vem do meu jogo favorito. Silent Hill 2 é o melhor jogo que já joguei na vida. E não posso abrir o blog sem explicar por que.

Continuar lendo

Lakeside Blog, seu lugar especial

Sejam todos bem-vindos ao Lakeside Blog.

Esperamos que aproveite bem sua visita a Silent Hill, com o melhor de nossos pontos turísticos. Visite os apartamentos Wood Side e Blue Creek, onde televisões se ligam sozinhas, carteiras se perdem em privadas fétidas e um doido com uma pirâmide na cabeça anda pra lá e pra cá estuprando as coisas. Também não deixe de prestigiar os serviços de nossas lindas, ahem, enfermeiras no Brookhaven Hospital.

Atravesse o lago enevoado e venha aproveitar sua estadia no Lakeview Hotel, e conte com nossa conexão de Internet, além de nossas fitas cassete, para aproveitar ao máximo tudo que nosso blog tem a oferecer.

Claro que nosso conteúdo não é apenas sobre Silent Hill. Cada um de nossos colaboradores tem algo legal a dizer sobre as novidades que aparecem no universo dos games, bem como sobre o nosso passado. Afinal de contas, assim como em Silent Hill, o passado define nossa experiência.

James Sunderland tem vários possíveis finais em Silent Hill, mas em todos eles algo novo é descoberto. Leve daqui uma nova perspectiva quanto ao seu game favorito, um ponto de vista diferente, algo que você não sabia antes. Essa é a ideia.